Artigos,

Papo solto: 35 anos, idade e pele

Papo-solto-35-anos

Em abril deste ano eu fiz 35 anos. A vontade de comemorar era nula porque pela primeira vez eu senti #8220;o peso da idade”. Parece brincadeira, frescura, mas todas as transformações que eu vinha vendo no meu corpo, na minha pele, no meu cabelo, culminaram uma grande crise de autoestima. Eu também tive crises de ansiedade a ponto de ir parar na ergência e, de uma hora pra outra, me vi muito mais cansada e desgastada pela mesma rotina que já era um hábito. O pior é que quando eu me vi #8220;em crise”, com a pele estourada e problemas de saúde, eu estava #8220;bem”. A verdade é que a gente tem uma super tendência a querer ser #8220;mulher maravilha” e purrar os sinais que o corpo dá literalmente com a barriga.  Hoje, depois de meses de tratamento, check-up, e pequenos ajustes de rotina, eu fiz questão de escrever esse para, mais do que nunca, compartilhar e trocar ideias. Há tanto e revista feminina por aí, tanto falando de beleza, moda, mas nenhum que te avise que uma hora você vai sentir a idade chegar. Veja que “a idade chegar” não é #8220;ficar velha” mas entender que o seu corpo, as suas necessidades, vão mudar e isso vai afetar a sua vida diretamente.

Para as meninas que passam por aqui e não se identificam com a idade, a minha mensagem é que essa minha noção de tempo chegou até tarde demais e foi um baque! Mas não tem que ser se você viver o #8220;presente” melhor, com pequenos ajustes, atenta aos pequenos sinais. É assim que eu pretendo chegar nos #8220;enta”!!!

Se mexer é definitivamente o segredo de dias melhores

A primeira dica que vou deixar aqui é bem básica e, apesar de todo mundo saber, poucos praticam: exercícios são necessários. Eu há anos levava uma vida sedentária. Meu peso nunca foi um problema e sempre justifiquei não fazer exercícios com a famosa desculpa do #8220;não tenho tempo”. Então arrume! Com 35 anos eu mais pareço uma velha cheia de dor: costas, pés, pernas… fui jogar futebol um dia, 15 minutos apenas e passei três dias curvada… sabe a velhinha que se senta não levanta e se levanta não senta? Era eu!

Xô preguiça

É um fato que eu não tenho a mesma disposição que tinha e que meu corpo não responde igual a antes. Isso eu já vinha percebendo há um ano e vinha também adiando encarar uma melhora, sabia que precisava me exercitar. Quando viajei da última vez, investi roupas, equipamentos, tênis, me #8220;aprontei” para correr uma maratona, um sonho antigo aliás! Cheguei de viagem no final de março e as coisas ficaram na mala afinal, não tinha tempo! Aí, numa bela tarde de trânsito caótico, estava num táxi e ouvi no rádio um depoimento ocionante: não vou lembrar de quem era, nem a rádio, mas uma jornalista contava que perdeu muito peso e sua vida melhorou muito, blá blá blá, a história é quase sempre a mesma MAS ela disse uma coisa que ficou marcada quando foi perguntada como conseguiu: EU ME COLOQUEI NA AGENDA. A resposta dela foi perfeita pra mim. Na minha agenda tem projetos, casa, filho, piriquito e papagaio, mas não tinha eu! Então coloque na sua agenda 1 hora de exercícios três vezes na semana e ponto final. VOCÊ, na SUA AGENDA, tem que ter o mesmo valor, o mesmo respaldo que todas as suas outras obrigações. Nesse momento eu entendi que eu precisava me colocar na minha agenda.

….. você continua achando que não tem tempo né? Então faz assim: pega o celular e suspende todas as notificações do Facebook, Candy Crush Saga, WhatsApp, Instagram etc. que você vai se surpreender com o tempo que você #8220;perde” nisso todos os dias. Acredite: sua saúde é bem mais importante. 

Aos poucos, bem devagarzinho, minhas dores musculares, minha disposição, estão melhorando. Espero sinceramente ser uma velhinha sem problemas para sentar e levantar!

A pele e a dermatite (ou acne ou rosácea ou o que for!)

Quem acompanha o tem ouvido eu falar dermatite alguns s… Vou contar a história curta, prometo! Em dezembro do ano passado um dermatologista me receitou Vitanol creme pra ainda clarear manchinhas da acne que tinha tido (lembra do da Bourjois Flower Perfection?). Só que tava fazendo 50°C no Rio e minha pele logo ficou assada! Ele receitou cortisona e manteve o Vitanol #8211; sabia que eu iria viajar, me passou receita logo para três tubos!!! Então eu viajei, passei 60 dias nos EUA (inverno), usando a medicação e a cortisona (sim, a louca usou cortisona uns três meses direto!). Minha pele ficou boa, ainda que super ressecada, investia na hidratação de dia e achava que eventuais #8220;texturas”, eram normais. Aí voltei pra casa, ainda quente, procurei o mesmo dermato. Suspendi a cortisona e fiquei com a pele toda arrebendata questão de um dia… daí diante foram três médicos e alguns diagnósticos: alergia, dermatite perioral, rosácea… a pele começava a arrebentar e eu corria pra cortisona de novo! Até o auge da crise, maio, foi muita experimentação e sofrimento. Do médico do plano até o particular,eu já não sabia o que fazer.

As fotos deste foram tiradas diferentes circunstâncias e datas, inclusive com o celular. Não foram planejadas nem tiradas para ilustrar o .

Dermatite  Geek

O auge veio maio, assim como uma santa dermatologista que vem me tratando, Dra Leticia. O dignóstico não é final assim como eu ainda estou tratamento: antibiótico oral há quase sessenta dias (Tetralysal 300 mg), produtos manipulados, hidratação reforçada e Elidel, um creme mágico que #8220;imita” cortisona mas não é cortisona.  A foto acima é uma das que tirei para enviar para a médica pelo WhatsApp no desespero! Num dia que chorava e tinha vontade de arrancar minha pele à unha! Depois de medicada, passei uma semana trancada casa, me abalou bastante.

Não foi fácil sair de casa, não foi fácil falar de beleza ou maquiagem nesse período difícil. Aqui no boa parte das resenhas e fotos já tinham sido feitas há tempos. Fazer video conferência, coisa que faço muito no trabalho, virou um terror! E o que isso teve a ver com a idade? Tudo! Seja uma rosácea, seja uma acne adulta, seja uma dermatite perioral, são doenças que se manifestam na idade adulta, depois dos trinta, por diferentes motivos, ninguém está livre disso. 

Dermatite Tratamento  Geek

Parte de eu ter resolvido ter esse #8220;papo” com vocês foi o fato dessa semana que passou vocês terem elogiado muito minha pele #8230; Obrigada gente! Vocês são tão carinhosas comigo que tenho que retribuir. Nem tudo são flores, estamos juntas, na alegria e na tristeza! Quem passa por isso, por essas coisas da vida, sabe. No momento estou num processo de melhora, tratamento que, segundo a médica ainda deve durar uns quatro meses. Não há palavras pra descrever o meu sentimento nos piores dias mas também não há palavras pra expressar minha alegria com a melhora.

Logo depois que o tratamento começou a funcionar, dar resultado, notei uma flacidez no rosto que não tinha, coisa bem chatinha mesmo. Como estou proibida de usar retinol (meu companheiro há uns 15 anos) e qualquer antiidade, achei normal a pele envelhecer e não tô muito preocupada com isso no momento. Minha prioridade é acabar o tratamento com a dermato e manter essa crise louca bem longe de mim! Mantenho vocês informadas!

Ressecamento da Pele e Flacidez

Dica de make nas crises de pele

A base se tornou uma amiga, fiel escudeira! A Lingerie De Peau principalmente. Pra disfarçar, eu procurava valorizar mais o olhar pra tirar o foco da minha área mais afetada, ao redor dos lábios e baixo do nariz #8211; logo eu que adoro um bocão!

Manter a pele hidratada era fundamental para manter a decência na maquiagem. Isso vale pra todo mundo, mesmo fora da crise, mesmo quem não tem problema algum de pele #8211; inclusive, pele hidratada é pele jovem! A pele mais opaca também disfarça melhor a textura e irritabilidade do rosto, assim como um bronzeado (fake). Acho que foi um período que usei sombra quase todo dia mesmo! E todo dia era um desafio: disfarçar as áreas mais afetadas.

Ainda pretendo fazer um completo com ajuda de uma médica sobre isso mas já adianto que todos os dermatologistas que fui foram unânimes sobre uma coisa: base pode, BB e CC Cream não! Isso porque esse tipo de produto faz uma mistura que pode não ser benéfica para peles sensíveis. Eu por exemplo, tô proibida de usar retinol e há BB Creams que tem retinol na composição. Essa observação é válida porque a gente sempre tá de olho nos #8220;lançamentos” pensando ter uma pele linda e não se atenta necessariamente sobre o que está colocando sobre a nossa própria pele.

Makeup Geek pele tratada

Ainda farei muitos s sobre pele, o meu tratamento, medicação e recomendações. Também farei um novo sobre cabelo breve pois a mudança nos fios foi absurdamente sentida. A verdade é que a idade pesa sim e com ela vem muito mais do que as rugas para nos assombrar. Mas hoje eu acredito que estou mais preparada para as mudanças e pronta para desafiá-las! No final das contas, tem que se cuidar! É o que estou fazendo.

Beijo enorme e bom domingo!

Manu

O Papo solto: 35 anos, idade e pele foi publicado no


Fonte: Makeup Geek